Um Recado Para Você!

sábado, 4 de janeiro de 2014

FAMÍLIA FELIZ COMO CONQUISTÁ-LA

Salmo (128) Bem-aventurado aquele que teme ao SENHOR e anda nos seus caminhos. Pois comerás do trabalho das tuas mãos; feliz serás, e te irá bem. A tua mulher será como a videira frutífera aos lados da tua casa; os teus filhos como plantas de oliveira à roda da tua mesa. Eis que assim será abençoado o homem que teme ao SENHOR. O SENHOR te abençoará desde Sião, e tu verás o bem de Jerusalém em todos os dias da tua vida. E verás os filhos de teus filhos, e a paz sobre Israel.

Esse salmo tão bem escrito por Davi nos dá um perfil de uma família feliz. Desde o princípio o desejo do coração de Deus é que seus filhos tenham famílias estruturadas e felizes. Toda família que teme ao Senhor colhe os frutos de sua obediência: um bom casamento e uma família ajustada. Essas são as maiores bênçãos da vida, muito mais que bens materiais. Quando um casal entra em aliança, na maioria das vezes ele espera ser feliz, como um interesse próprio. Porém, a Bíblia nos ensina como um princípio que é dando que se recebe. Então, a mentalidade precisa ser mudada e ao entrar em aliança o maior desejo do coração do cônjuge deve ser fazer o outro feliz, quando isso acontece à recíproca torna-se algo natural. Quando fazemos o outro feliz à conseqüência é sermos felizes. O que é família? a família não é um grupo de pessoas rivais alheias aos interesses umas das outras. Em termo de unidade, é o conjunto de todas as pessoas presentes, que vivem sob o mesmo teto, sob a proteção ou dependência do dono de casa ou chefe da família, que vivem na intimidade do lar, que se comunica que se amam e se ajudam reciprocamente. O ambiente da família é o mais apropriado para a adoração a Deus. "Sujeitai tu e tua família a Deus, e tua casa encherá de maravilhas sem fim."

 Js (24.15) Porém, se vos parece mal aos vossos olhos servir ao SENHOR, escolhei hoje a quem sirvais; se aos deuses a quem serviram vossos pais, que estavam além do rio, ou aos deuses dos amorreus, em cuja terra habitais; porém eu e a minha casa serviremos ao SENHOR.

...A família que adora a Deus é base segura para a vida moral e espiritual do mundo. Cada postura nossa dentro do relacionamento deve ser para frustrar os planos do diabo e engrandecer a vida familiar. Somos o modelo para os casais que estão em busca de transformação no seu lar. No casamento, temos que ser como José, sonhar e interpretar nossos sonhos para vê-los acontecer, não podemos nos dar por vencidos enquanto não vermos nossa família usufruindo de tudo o que Deus tem para ela. José, apesar de ter enfrentado tantas lutas, jamais abriu mão de seu sonho, ele foi nunca desistiu, é assim que precisamos ser. Quando alcançamos uma família feliz, temos unção para resgatar casais, a partir da nossa casa, que é à base do trono de Deus. O casal que sonha ver o cônjuge feliz prospera. Mas, para alcançarmos essa plenitude é necessário fecharmos algumas brechas e guardamos algumas portas. O inimigo tem trabalhado para destruir as famílias, mas Deus quer nos ensinar a rota da felicidade. Vejamos algumas brechas que pode ser fechada se guardarmos as portas de entrada: Olhos - temos que guardar os nossos olhos, pois o que vemos pode ou não determinar se teremos uma família feliz. Muitas vezes colocamos nossos olhos em coisas que não agradam o coração de Deus por serem prejudiciais para nossas vidas e famílias.

Salmo (119:37 Desvia os meus olhos de contemplarem a vaidade, e vivifica-me no teu caminho.

Tudo o que vemos e olhamos vai direto para a alma. Todas às vezes que colocamos nossos olhos no que não convém, desviamos nossa visão do foco correto.

Pv 4:25 Dirijam-se os teus olhos para a frente, e olhem as tuas pálpebras diretamente diante de ti. O que você tem olhado?

Muitas vezes olhamos para algumas situações na nossa casa e não sabemos nem o que pensar, mas Deus quer nos ensinar a olhar para as situações com a visão da águia, para que vejamos não as situações como se apresentam, mas como serão de acordo com a vontade de Deus.

Mt (5:8 ) Bem-aventurados os limpos de coração, porque eles verão a Deus;

Eu, porém, vos digo que todo aquele que [olhar] para uma mulher para cobiçá-la, já em seu coração cometeu adultério com ela. Quando você olha para o que não é seu você está pecando. Desvie seus olhos do mal e não se permita ser tentado. Se você abre brecha para que a tentação entre é como mexer com fogo, você será queimado. Guarde seus olhos. Eles são para você olhar na direção do trono de Deus e receber todas as estratégias para sua família.

Boca - a Bíblia diz que falamos do que o coração está cheio. Há pessoas que estão sempre comentando sobre coisas fúteis, mas nunca falam sobre assuntos que possam verdadeiramente edificar. Somos advertidos sobre isso em várias passagens da Bíblia como em

Efésios (4:29) Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa para promover a edificação, para que dê graça aos que a ouvem

Quantas pessoas não sabem falar e calar na hora certa. Dentro do relacionamento conjugal as piores brigas acontecem porque não sabemos controlar a nossa boca. Precisamos pedir a Deus para que Ele nos ensine a guardar os nossos lábios.

Salmo (141:3) Pöe, ó SENHOR, uma guarda à minha boca; guarda a porta dos meus lábios.

Nossa boca foi criada por Deus como um instrumento para profetizar as Suas bênçãos. Na hora da raiva se você tiver vontade de falar, louve.

Provérbios (4:24)  Desvia de ti a falsidade da boca, e afasta de ti a perversidade dos lábios.

Fale bem da sua família, do seu cônjuge e de seus filhos. Ouvido- o que temos escutado pode nos contaminar ou nos abençoar. Não fomos chamados para ouvir qualquer coisa. Nossos ouvidos precisam estar sensíveis a voz do Espírito Santo,

 Isaías 30:21 que diz: "quando te desviares para a direita e quando te desviares para a esquerda, os teus ouvidos ouvirão atrás de ti uma palavra, dizendo: Este é o caminho, andai nele;

Assim não cometeremos erros. A fé vem pelo ouvir e ouvir a Palavra de Deus. Não fomos chamados para ouvir relatórios de catástrofe. Fomos chamados para ouvir as estratégias do coração de Deus, para nossas famílias. Não devemos dar ouvidos a conversas que possam comprometer nossos sentimentos em relação à família. Inclusive cuidado com os conselhos que você tem ouvido acerca de sua casa. Eles podem te ajudar ou te prejudicar. Alguns cônjuges por darem ouvido a quem não deviam acabam entrando em verdadeiras enrascadas e acabam ouvindo ofensas que só desgastam o relacionamento quando deveriam estar ouvindo o quanto são importantes e amados. Quantos cônjuges estão carentes de ouvirem uma palavra de amor.
Pés - onde temos plantado nossos pés. A Palavra de Deus diz que os pés que anunciam as boas novas são formosos.  Pois ele tirará do laço os meus pés. Se você estiver envolvido por um laço há uma promessa de Deus de livramento sobre a sua vida se você decidir estar fechando as brechas e guardando as portas de entrada.

Salmo (25:15) Os meus olhos estão continuamente no SENHOR, pois ele tirará os meus pés da rede.

Os casais precisam ter os pés plantados na casa do Senhor. Querido casal, talvez você tenha passado por tantas lutas e tenha esfriado nos sonhos de Deus para sua família. Mas, não desista, apegue-se na Palavra de Deus que tem promessas para sua vida e toda a sua casa.
Deus honra a nossa fé e o nosso desejo de ver nossos filhos dedicados à Sua obra, é do nosso conhecimento que os filhos são rebentos dedicados a Deus, porque dele os recebemos. Também recordemo-nos de que estes pertencem ao Senhor por direito soberano, embora permaneçam conosco, para nossa alegria; a nossa missão e entregar os filhos no altar do senhor. A isto Deus retribuirá com abundantes bênçãos. A mais disto, o êxito dos nossos filhos ao permanecerem firmes na fé e trilharem junto conosco os retos caminhos do Senhor, é sobremodo gratificante; os filhos educados nos caminhos do Senhor podem aprender a adorar a Deus desde a infância, pois lemos:

1Samuel ( 2.18). 18  Porém Samuel ministrava perante o SENHOR, sendo ainda jovem, vestido com um éfode de linho.

OS FILHOS SÃO HERANÇA DO SENHOR -

Os filhos são dados por Deus. Os pais devem esperá-los na expectativa de conforto, e não de cruzes; de bênçãos, e não de peso, o inimigo tem ganhado terreno contra a família. A ingratidão e rebelião dos filhos têm resultado na desafeição dos pais, a ponto de tentarem evitar filhos por meios prejudiciais à saúde, ou mesmo criminosos - o aborto por exemplo. Os crentes em Cristo, ao contrário, devem ter consciência de que os filhos não só lhes pertencem, mas também são filhos de Deus Êle tem planejado a salvação para toda a família. A promessa de Deus em

 (At 16.31) 31 E eles disseram: Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo, tu e a tua casa.

AD

Nenhum comentário:

Postar um comentário